bonus de cadastro

Sergio Jadue pede licença da presidência da ANFP

Sergio-Jadue-licença-médica-30-dias-Futebol-Latino-13-11
Foto: Álvaro Inostroza/ANFP

Semelhante ao que aconteceu no início dessa semana com a renúncia de Luis Bedoya do comando da Federação Colombiana de Futebol (FCF), parece que o Chile também terá em breve uma modificação no posto máximo da Associação Nacional de Futebol Profissional (ANFP).

Leia mais: Chile e Colômbia ficam no empate por 1 a 1 em Santiago

Apesar de, na manhã de ontem (12), o presidente do conselho administrativo da instituição, Sergio Jadue, ter declarado que descartava uma renúncia ao seu cargo, bastaram menos de 24 horas para que ele mudasse de ideia, apresentando na noite dessa quinta-feira uma solicitação de licença que tem validade de 30 dias alegando a necessidade de resolver problemas de saúde.

Porém, a especulação gira em torno de outro assunto que tem estado bem em pauta no ano futebolístico de 2015: A corrupção.

Segundo a imprensa local, a licença temporária de Jadue está diretamente ligada as diversas prisões ocorridas nos últimos tempos referentes a casos de corrupção por recebimento e pagamento de propina por direitos de transmissão dos mais diversos campeonatos em território latino e também em outros continentes.

Em declaração a Radio ADN, do Chile, o vice-presidente da ANFP, Antonio Martinez, disse que a medida busca apenas garantir o bem-estar de um diretor da Associação:

“É um caso de saúde e estamos tomando algumas medidas que vocês saberão amanhã (hoje). É um tema nosso, da diretoria, e se um diretor está enfermo, tem que ter um tempo para se recuperar.”

A situação também pode ficar preocupante dentro das quatro linhas para a seleção chilena já que, fortemente ligado ao presidente licenciado, o técnico Jorge Sampaoli já declarou em outras oportunidades que uma saída de Sergio Jadue poderia acarretar em sua saída também do cargo de treinador da Roja.

Confira o comunicado oficial da ANFP sobre o caso:

A Gerência de Comunicações informa que o diretório da ANFP recebeu nessa quinta-feira uma licença médica do presidente Sergio Jadue, que solicitou uma autorização estatutária de 30 dias para ausentar-se das suas atividades da corporação.

Enquanto durar a ausência do presidente, exercerá suas funções o primeiro vice-presidente, Jaime Baeza, segundo estabelecem os estatutos da organização.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Futebol Latino 2023