COMPARTILHE
Foto: Twitter US Team

Em New Jersey, a Costa Rica surpreendeu a seleção dos Estados Unidos e venceu por 2 a 0. Os gols saíram através do atacante Marco Ureña. Com o resultado, os costarriquenhos chegaram aos 14 pontos e permanecem na vice-liderança do hexagonal. Já os norte-americanos estão na terceira posição com 8 pontos.

Na próxima rodada, a Costa Rica encara o México dentro de casa. Enquanto os norte-americanos medem forças contra Honduras.

O jogo

O primeiro tempo começou a todo vapor. Mesmo fora de casa, a Costa Rica iniciou em cima e dava trabalho ao selecionado norte-americano, que tinha dificuldade para segurar na marcação.

Aos 29 minutos o primeiro gol do confronto. O atacante Marco Ureña foi lançado por Brayan Ruiz, levou a marcação de Tim Ream e bateu cruzado. Tom Howard se esticou todo, mas não alcançou a bola, 1 a 0.

Após o gol sofrido os EUA partiram para cima e tentaram pressionar o confronto. Já a Costa Rica apostava nos contra-ataques e na velocidade do seu sistema ofensivo para tentar ampliar o marcador.

Segundo Tempo

A etapa final teve a seleção de Bruce Arena em busca do empate. A melhor chance veio aos 14 minutos em cobrança de falta. Após a bola bater na barreira, Michael Bradley ajeitou e Johnson encheu o pé. A bola desviou na zaga e Navas fez um verdadeiro milagre.

Com o objetivo de pressionar a Costa Rica, o técnico norte-americano colocou Dempsey no time, porém deu errado o plano e a zaga costarriquenha conseguiu neutralizar o artilheiro do rival com certa facilidade.

No auge da desorganização americana, a Costa Rica ampliou a vantagem. Novamente Marco Ureña foi lançado entre os zagueiros, invadiu a área e bateu sem chances para o goleiro, 2 a 0.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here