bonus de cadastro

Depois de quase 10 anos, tradicional Copa Bubbaloo Jovem Pan volta a ativa

Copa-Bubbaloo-Jovem-Pan-início-Futebol-Latino-14-09
Foto: Rodrigo Ramon/Jovem Pan

Uma competição de grande tradição e que pode ser considerada um marco no futebol de salão do estado de São Paulo retomou suas atividades na manhã do último sábado (12), tendo como local de início oficial o Ginásio do Pacaembu e a presença de um excelente público.

Leia mais: Ricardo Gareca faz avaliação positiva após os amistosos do Peru

Assim foi dado o pontapé inaugural para a Copa Bubbaloo Jovem Pan, sequência da tradicionalíssima Copa Jovem Pan, um berço de grandes craques que, enquanto representavam as mais diversas escolas da capital paulista, naturalmente acabavam despontando para clubes profissionais de futsal e também do futebol de campo.

Na edição 2015 serão 112 as escolas que participarão do torneio que, em seu primeiro dia teve, além da presença de figuras marcantes da Jovem Pan (vice-presidente comercial Sergio Amaral e o coordenador do esportes/repórter Wanderley Nogueira), da Bubbaloo (gerente de marketing Felipe Michelotti), e do governo do estado (secretário municipal de esportes Celso Jatene), contou com o prestígio de ex-jogadores como Cafu, Jamelli, Vampeta e Zé Elias.

Inclusive as quatro figuras que fizeram história no futebol brasileiro foram os responsáveis pelo “pontapé inicial” das partidas, fazendo a festa da torcida que contou com muita vibração de amigos e familiares dos atletas que representaram suas escolas.

Quem tem história pra contar nas edições anteriores da Copa Bubbaloo Jovem Pan (na época apenas Copa Jovem Pan) é o ex-volante corintiano Zé Elias, que chegou por duas vezes a decisão da mesma:

“É muito bom relembrar grandes histórias que passei na Copa Jovem Pan, inclusive aqui no Ginásio do Pacaembu. Em 1991 e 1992 fiz os gols dos títulos da Copa, um contra e no outro ano a favor, dando o título para o João XXIII. É sempre bom ter em nossa vida histórias e eu tenho histórias legais para contar para meus filhos e meus netos.”

Já o pentacampeão Cafu ressaltou a importância de manter o espírito sempre de conscientização para o mais jovens da importância que tem a prática esportiva:

“A qualidade, determinação, força de vontade e superação, são muito importantes. É preciso colocar na consciência que eles podem fazer e têm condições de fazer. Sempre um prazer enorme rever vários amigos e depois de anos a Copa Jovem Pan voltou novamente e estou aqui para prestigiar. Espero que a garotada que vai jogar se empenhe se dedique, pois é uma grande oportunidade na vida de todas essas crianças.”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Futebol Latino 2023