SHARE
saiba-o-retrospecto-dos-confrontos-das-quartas-de-final-na-libertadores-Futebol-Latino-17-08
Foto: Divulgação/San Lorenzo

A Copa Libertadores tem volta programada apenas para o meio do mês de setembro, mas nem por isso precisamos aguardar a bola rolar para entender um pouco mais da história dos confrontos que compõem as quartas de final.

Leia mais: Vitória que pode colocar o Internacional na liderança da Série B rende ganhos de 65% aos investidores
“Na minha época, o futebol era mais lento, melhor jogado”

Dentre as principais curiosidades que podemos elencar certamente está o fato de que os times brasileiros estão presentes nos extremos entre os que mais e os que menos se enfrentaram nos duelos.

Enquanto Botafogo e Grêmio são os recordistas de encontros, Barcelona de Guaiaquil x Santos estão ainda escrevendo os primeiros capítulos no histórico desse embate.

Outro ponto a ser ressaltado é que, mesmo nas chaves onde o retrospecto conta com muitos jogos, a diferença de vitórias de um para outro não é tão significativa. Com isso, no que depender do que a história mostra, o equilíbrio nos duelos está garantido.

Confira o retrospecto de todos os embates das quartas de final da Copa Libertadores:

Jorge Wilstermann x River Plate

São quatro partidas ao todo com uma vitória boliviana, um empate e dois triunfos argentinos. Enquanto o Wilstermann assinalou três gols, o River marcou seis vezes contra o próximo adversário na Liberta.

San Lorenzo x Lanús

O duelo entre argentinos tem 52 partidas registradas com 16 vitórias do Ciclón, outros 16 empates e 20 vitórias do time Granate. A vantagem no número de gols também é do Lanús, com 81 gols assinalados diante de 73 tentos do time do Papa Francisco.

Barcelona de Guaiaquil x Santos

Foram apenas duas as oportunidades em que esse times se enfrentaram e os brasileiros levaram a melhor em ambas. O time da Baixada Santista acumula quatro gols no histórico e os equatorianos apenas um.

Botafogo x Grêmio

Encontro com o maior número de partidas, sendo 57 ao todo. Os gaúchos possuem 22 triunfos contra 18 vitórias cariocas e mais 17 empates. A diferença de gols entre ambos é de 10 sendo que os gremistas comemoraram 73 vezes e os botafoguenses em 63 oportunidades.